[Astronomia Através da Janela] Gigantes e Pequeno Juntos

DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES E MENINAS NA CIÊNCIA
11/02/2021
[Astronomia Através da Janela] Abril com Superlua
05/04/2021

[Astronomia Através da Janela] 

Gigantes e Pequeno Juntos!

 

Em março temos a chegada do outono… na verdade, às 06:48 do dia 20, e de vários alinhamentos interessantes que envolvem os Gigantes Gasosos Júpiter e Saturno com o pequeno rochoso, Mercúrio. Muitos fenômenos do mês acontecerão momentos antes do Sol nascer, aproveite e não perca nenhum deles!

Convidamos também a todos, a fotografar esses eventos e enviá-los pra gente por e-mail ou através do formulário eletrônico.

Iremos publicar as fotografias aqui no site e nas redes sociais.

Acompanhe os destaques do mês:

Encontro Marte e Plêiades

Logo após o pôr do Sol, até por volta das 22h, no dia 04, na direção da constelação do Touro (noroeste), você poderá ver Marte junto a um aglomerado de estrelas, as Plêiades. Este aglomerado é bem jovem em termos astronômicos, e possui dezenas de estrelas. Entretanto, só é possível identificar 7 delas a olho nu. A observação é bem simples, não requer o uso de nenhum equipamento, embora para ver o aglomerado seja preciso um céu limpo e com pouca poluição luminosa.

 

Mercúrio e Júpiter Pertinhos ao Amanhecer

Desde o final de fevereiro estamos acompanhando uma bela composição de planetas no céu. Mercúrio estava a meio caminho entre Saturno e Júpiter, mas desde o início de março, ele está se aproximando de Júpiter. Na madrugada do dia 05, a partir das 03h30 é possível ver Saturno nascer no céu, na direção leste próximo da constelação de Capricórnio, e a partir de 04h da manhã até o nascer do Sol, será possível observar Júpiter e Mercúrio juntinhos no céu. Esses horários são para o Rio de Janeiro e podem variar um pouco de acordo com a sua cidade. Os dois planetas praticamente “se tocam”, com uma separação aparente de apenas 0,4o no céu. Esse evento acontece próximo ao horizonte, então é bom procurar lugares altos e/ou com horizonte leste limpo para essa observação. Aqueles que dispuserem de binóculos ou telescópio podem ainda ter uma segunda experiência: observar as luas galileanas de Júpiter ou os belos anéis de Saturno.

 

Quarteto Astronômico

Apesar do dia 05 ser o melhor dia para observar a proximidade de Júpiter e Mercúrio, na madrugada do dia 10, próximo ao horizonte leste, às 04h da manhã, outra bela configuração do céu poderá ser observada: Mercurio, Júpiter, Lua e Saturno. O filete de Lua minguante poderá ser visto entre os planetas Saturno (acima), Júpiter, seguido de Mercúrio (abaixo). Você poderá observá-los até o amanhecer. Mais uma oportunidade para belas fotos. As mesmas recomendações de condições de visibilidade se aplicam, ou seja, procure lugares altos e/ou com horizonte leste limpo para essa observação. Aqueles que dispuserem de binóculos ou telescópio podem ainda ter uma segunda experiência: observar as luas galileanas de Júpiter, parte da superfície Lunar que estará com apenas 9% de sua superfície iluminada e os belos anéis de Saturno.

 

Trio Saturno, Júpiter e Mercúrio

Saturno, Júpiter e Mercúrio poderão ser vistos, no dia 15, antes do amanhecer nas mesmas condições dos dias 5 e 10, por volta das 04h da manhã. Entretanto, neste dia, estarão quase alinhados no céu. Esta configuração se apresentará por vários dias, com Mercúrio nascendo cada vez mais tarde. Novamente, procure lugares altos e/ou com horizonte leste limpo para essa observação.
.

Conjunção entre Marte e Lua

No horizonte noroeste, no dia 19, após o pôr do Sol, poderemos ver o planeta Marte e a Lua bem próximos, até cerca das 21h. O planeta vermelho “corteja” a Lua crescente, que estará com 30% de sua superfície iluminada, até o final da noite. Também será possível vermos a estrela mais brilhante da constelação do Touro, a gigante vermelha Aldebaran, próxima ao evento. Ótima oportunidade para comparar os “vermelhos” da estrela e do planeta. Enquanto Marte estará bem próximo da Lua, Aldebaran estará um pouco mais afastada, acima da Lua – ela compõe uma formação de estrelas no formato da letra V, facilmente visível no céu.

 

Equinócio de Outono

É chegado o outono… na verdade, às 06:48 do dia 20. Neste dia será possível observar o nascer do Sol exatamente no ponto cardeal Leste, e também o pôr do sol, exatamente no ponto cardeal Oeste, característica marcante dos equinócios.

 

Constelações de destaque: Tentar encontrar as constelações no céu é um barato!

Órion, Touro, Gêmeos, Cão Maior, Cruzeiro do Sul, Centauro estarão em destaque.

Assista o Episódio de Dicas do Céu de Março aqui:

#Valongo #Astronomia #UFRJ #Science #Astro #UniversidadePublica #AstroAtravesDaJanela #DesligueAsLuzes